Turbina sem hélice pode ser o futuro da energia eólica

A startup tunisiana Saphon Energy criou um conversor de energia eólica sem hélice que pode ser 2 vezes mais eficiente que as turbinas convencionais.

As turbinas eólicas são uma das tecnologias mais populares para a criação de energia limpa e sustentável. Elas convertem a energia cinética do vento em energia elétrica através de um sistema de hélice rotativa inspirado por moinhos de vento do século VII. No entanto, este design impede-as de operar com eficiência total e armazenar a energia gerada.

Por isso, a Saphon assumiu a missão de reinventá-las completamente, transformando-as em estruturas sem hélices em forma de antena parabólica balançando em um movimento de 8 – uma construção inspirada no projeto das velas do navio de séculos atrás. É por isso que a equipe batizou este conversor de energia eólica de “Saphonian,” em homenagem ao deus cananeu protetor dos marinheiros Baal Saphon.

Esta tecnologia elimina a necessidade de hélices, aumentando a eficiência da turbina e reduzindo pela metade os custos de produção. De acordo com Anis Aouini, o criador e fundador da Saphon Energy, o seu conversor eólico sem hélices escapa às limitações de eficiência das turbinas convencionais, que devido à física da sua concepção não conseguem capturar mais de 59% da energia cinética produzida pelo vento. O dispositivo converte esta energia com a ajuda de pistões e pode armazená-la para uso posterior em um acumulador hidráulico.

Além disso, o corpo sem hélices do Saphonian não representa uma ameaça para as aves e morcegos, que são frequentemente atingidos e feridos pelas pás de turbinas convencionais, produz menos poluição sonora e, ao contrário da rotação das turbinas de vento, tem um impacto muito limitado sobre ondas de rádio e TV.

Depois de cinco anos de pesquisa e desenvolvimento, a Saphon Energy instalou seu primeiro protótipo industrial na cidade de Raoued, ao norte da Tailândia. A empresa também assinou um contrato com um banco de investimento de infraestrutura indiana para construir 50 Saphonians com capacidade de 20 KW cada até o início de 2018, criando o primeiro parque eólico sem hélices.

A Saphon Energy tem ainda uma aliança estratégica com a Microsoft por meio da iniciativa da gigante de tecnologia “Microsoft 4Afrika“, que visa a melhorar a vida das pessoas que vivem no continente através do investimento no potencial tecnológico da África. Este interesse crescente pelo dispositivo inovador de energia limpa da start-up tunisiana prova que o Saphonian pode realmente ser um passo para o aproveitamento total da energia eólica.

Fonte: CDE

arquitetura sustentável