fbpx

Nova Tecnologia Já Coletou 9 Toneladas de Lixo Plástico do Oceano 

Foram coletadas 9 toneladas de lixo plástico através do sistema da Ocean Cleanup, apenas no primeiro teste realizado no Oceano Pacifico.

Há pouco mais de 10 anos, Boyan Slat fez um anúncio sobre uma ideia para remover o plástico dos oceanos pelo mundo, por isso fundou a Ocean Cleanup, uma organização filantrópica que quer retirar pelo menos 90% do plástico que está flutuando nos oceanos até 2040.

Toda a equipe da Ocean Cleanup tem total ciência que essa é uma meta extremamente ambiciosa, mas a principal motivação de todos é o fato de que sabem que essa é uma urgência.

Maersk e The Ocean CleanUp desenvolvem tecnologia para limpar rios e  oceanos - Transporte Moderno

É exatamente por conta de toda essa vontade presente em cada um dos membros, que a pesquisa não parou desde o seu lançamento, trabalhando sempre em novas tecnologias e o trabalho para a retirada do plástico.

O início da coleta de lixo plástico dos oceanos

O primeiro resultado da pesquisa foi um dispositivo que realiza a captura de lixo plásticos, e foi testado em 2018. O grande problema é que ele não funcionou como todos esperavam.

Em 2019, outra tecnologia foi testada, e dessa vez foi capaz de coletar uma grande quantidade de plástico, mas isso não foi o suficiente, já que a Ocean Cleanup percebeu que seriam necessárias vários desses projetos para que o objetivo fosse atingido.

É exatamente por isso, que nos últimos 2 anos todo o esforço da equipe ficou no novo sistema, que ganhou o apelido de Jenny, mas também existem aqueles que o chamam de System 002.

Dispositivo de limpeza de plástico está recolhendo lixo plástico na grande porção de  lixo do pacífico- Ecotap

Esse por sua vez, é diferente de todos os outros, já que sua captura é passiva e, é feita de uma grande linha flutuante com 2 barcos em cada um dos lados. A linha presente é puxada por ambos os barcos, e formam um funil em uma rede que armazena todo o plástico que estiver flutuante. 

Em conjunto com uma inteligência artificial, a Ocean Cleanup faz a localização de concentração de plástico flutuante, e junto com o sistema vai até à área poluída. Conforme os barcos puxam as linhas em uma velocidade de 1,5 nós, a própria correnteza marítima auxilia na remoção do plástico para a rede.

No momento em que a rede fica cheia, o plástico é direcionado a um dos barcos, e a rede vazia retorna o processo de recolhimento   nos oceanos.

Como funciona a tecnologia para limpeza dos oceanos?

O novo sistema passou por um teste há algumas semanas na ilha de plástico, que fica no Oceano Pacifico, e em um unico teste coletou 9 toneladas de plástico: 

Ocean Cleanup

“Santa mãe de Deus! Tudo funcionou!!!”, comemorou Boyan Slat nas redes sociais.

Além de coletar o plástico, um dos problemas encontrados nos testes anteriores era levar os resíduos coletados  a terra firme, e nesse isso foi resolvido!

Em um comunicado, a Ocean Cleanup informou que 9 toneladas de plástico foram removidos do Oceano Pacifico, provando de uma vez por todas que o plástico pode ser removido dos oceanos.

De acordo com os cálculos, será preciso pelo menos 10 Jennys para remover 50% da Grande Mancha de Lixo do Oceano Pacifico em até 5 anos.

Voltz Lança Primeiro Triciclo Elétrico De Produção 100% Brasileira

Trem Turístico Movido a Energia Solar Ligará Argentina a Machu Picchu

Startup Americana Cria Casa Auto-Suficiente Modular Que Não Usa Combustíveis Fósseis