fbpx
Continua após a publicidade..

Energia Limpa no Brasil e No Mundo: Principais Fontes (+7 Exemplos)

Neste artigo vamos te contar tudo sobre energia limpa. Além de 7 exemplos de sucesso das principais fontes no brasil e no mundo. Clique no link e confira.
Continua após a publicidade..

A crescente preocupação com a preservação do meio ambiente e a redução das emissões de gases poluentes tem impulsionado o desenvolvimento e a utilização de fontes de energia limpa em todo o mundo. No Brasil, as discussões sobre o tema têm ganhado força, especialmente com a diversificação da matriz energética e a busca por soluções mais sustentáveis. 

Neste artigo, abordaremos as principais fontes de energia limpa no Brasil e no mundo, bem como apresentaremos oito exemplos de iniciativas que promovem a transição para um futuro mais sustentável. Acompanhe conosco e saiba mais sobre esse tema tão relevante para o presente e futuro do planeta.

O que é a energia limpa?

Energia limpa é aquela gerada a partir de fontes renováveis, que são abundantes na natureza. Ao oposto de aquelas produzidas por fontes poluentes, esse tipo de energia não emite gases nocivos na atmosfera, tendo um impacto mínimo no meio ambiente.

energia limpa

Origem

O uso dessas fontes de energia para a geração de eletricidade e outros fins remonta a séculos atrás, com a utilização de moinhos de vento e de água para a moagem de grãos e a produção de energia mecânica. 

No entanto, o surgimento da energia limpa como um conceito moderno está relacionado à crise do petróleo dos anos 1970, que despertou a necessidade de buscar alternativas mais sustentáveis para a produção de energia. 

Desde então, o desenvolvimento de tecnologias para a geração de energia limpa tem avançado significativamente, com destaque para a energia solar, eólica, hidrelétrica e biomassa, que hoje são amplamente utilizadas em todo o mundo.

Objetivo #7 da ONU

O Objetivo de Desenvolvimento Sustentável (ODS) #7 da ONU é um dos 17 objetivos estabelecidos pela Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável. Esse objetivo tem como meta “garantir o acesso confiável, sustentável, moderno e a preço acessível à energia para todos”, reconhecendo a importância da energia para o desenvolvimento socioeconômico e para a redução da pobreza. 

objetivo de desenvolvimento sustentavel #7 da onu energia limpa e acessivel

Fonte: ONU

Para alcançar essa meta, é preciso ampliar o acesso à energia limpa e renovável, aumentar a eficiência energética e investir em tecnologias sustentáveis, além de garantir a inclusão social e econômica das comunidades mais vulneráveis. 

O ODS #7 está diretamente relacionado a outros objetivos da Agenda 2030, como a erradicação da pobreza, a promoção da saúde e bem-estar, a redução das desigualdades e o combate às mudanças climáticas.

Aqui estão as metas do Objetivo de Desenvolvimento Sustentável (ODS) #7 da ONU:

  1. Garantir o acesso universal a serviços de energia modernos, confiáveis e a preços acessíveis;
  2. Aumentar substancialmente a participação de energias renováveis na matriz energética global;
  3. Dobrar a taxa global de melhoria da eficiência energética;
  4. Fortalecer a cooperação internacional para facilitar o acesso a tecnologias de energia limpa e renovável;
  5. Melhorar a infraestrutura e a tecnologia para fornecer serviços energéticos modernos e sustentáveis para todos, especialmente em países em desenvolvimento;
  6. Expandir a infraestrutura de energia e as tecnologias limpas em países em desenvolvimento, com foco em energia renovável, eficiência energética e tecnologias de energia avançadas e menos poluentes;
  7. Promover a pesquisa e o desenvolvimento de tecnologias de energia limpa e renovável;
  8. Aumentar o apoio financeiro para o desenvolvimento e a adoção de tecnologias de energia limpa e renovável em países em desenvolvimento.

Essas metas têm como objetivo garantir a expansão da oferta de energia limpa e sustentável e o acesso universal a serviços de energia modernos e confiáveis, contribuindo para o desenvolvimento sustentável, a redução da pobreza e a mitigação das mudanças climáticas.

Como funciona a energia limpa no Brasil?

No Brasil, a utilização de fontes de energia renováveis é predominante na energia hidroelétrica com 61%, em segundo lugar a eólica (9%), em seguida a biomassa (8%), a nuclear (1%) e a solar (1%), segundo dados de 2019. Esse cenário é fruto da adoção de políticas públicas voltadas para incentivar o uso de fontes alternativas de energia, que são mais limpas e menos impactantes ao meio ambiente. 

Energia

No entanto, apesar do avanço nesse setor, o Brasil ainda depende em grande parte da energia gerada por usinas hidrelétricas, que representam um risco às populações ribeirinhas e à biodiversidade local.

Qual a importancia?

A energia limpa desempenha um papel fundamental na transição para um futuro mais sustentável, tanto no Brasil quanto no mundo. A dependência dos combustíveis fósseis e a emissão de gases poluentes são responsáveis por diversos problemas ambientais e de saúde pública, além de contribuir para as mudanças climáticas. 

Energia

Nesse sentido, a energia limpa é uma alternativa mais segura e saudável, além de ser uma importante ferramenta para a redução das emissões de gases de efeito estufa. No Brasil, a diversificação da matriz energética e o investimento em fontes de energia limpa têm sido fundamentais para a promoção do desenvolvimento sustentável e a redução da dependência de combustíveis fósseis. 

Além disso, a utilização de fontes de energia renovável, como a energia eólica, solar e biomassa, pode gerar oportunidades de negócios, empregos e renda para as comunidades locais. No mundo, a energia limpa é uma prioridade global para enfrentar os desafios da mudança climática, promover o desenvolvimento sustentável e melhorar a qualidade de vida das pessoas. 

A transição para uma economia de baixo carbono pode criar oportunidades de investimento e novos modelos de negócio, além de contribuir para a redução da pobreza, da desigualdade e da exclusão social. Em resumo, a energia limpa é essencial para garantir um futuro sustentável, com economias mais saudáveis e justas e um planeta mais equilibrado e habitável.

Energia

Nesta reportagem do G1, o coordenador do curso de especialização em Energias Renováveis, Geração Distribuída e Eficiência Energética da Universidade de São Paulo (USP), José Roberto Simões Moreira, afirma que o Brasil tem grande potencial para expandir o uso da energia proveniente do sol:

“As medidas mínimas de radiação solar brasileiras são maiores que as maiores médias da Alemanha”.

O dado é importante porque a Alemanha é referência mundial no emprego desse tipo de energia.

Energia
Novos usos da Energia – Cogeração

Se o cenário não mudar radicalmente, a temperatura média deverá subir entre 2ºC e 5,8°C ainda no século 21, segundo o 4° Relatório do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC), de 2007.

Como consequência, vamos presenciar cada vez mais o derretimento da calota polar, aumento do nível do mar, extinção de espécimes da flora e fauna, degradação dos recursos naturais e graves impactos sobre a saúde das pessoas.

Vantagens e desvantagens da energia limpa

É indispensável realizar uma avaliação aprofundada das vantagens e desvantagens da utilização da energia limpa para se mensurar sua possibilidade de contribuir para a sustentabilidade e a prosperidade socioeconômica. 

Energia

Dessa forma, medidas públicas devem ser implementadas e empreendimentos em tecnologias mais eficazes e limpas investidos para mitigar os desafios e potencializar os privilégios que a energia limpa proporciona, o que conduz à transição para um futuro sustentável.

Como toda tecnologia, o uso de energia limpa apresenta vantagens e desvantagens. Algumas das principais são:

Vantagens:

  • Redução das emissões de gases poluentes e de efeito estufa;
  • Geração de energia de forma mais sustentável e com menor impacto ambiental;
  • Diversificação da matriz energética, reduzindo a dependência de combustíveis fósseis;
  • Fontes renováveis e inesgotáveis, como sol, vento, água e biomassa;
  • Estímulo à inovação e ao desenvolvimento de tecnologias mais eficientes e limpas;
  • Geração de empregos e renda em setores relacionados à energia limpa;
  • Redução da vulnerabilidade a crises energéticas e de preços.

Desvantagens:

  • Custo elevado em comparação a fontes de energia tradicionais;
  • Dependência de condições climáticas, como sol e vento;
  • Limitação geográfica para algumas fontes, como hidrelétricas;
  • Necessidade de investimentos em infraestrutura para distribuição e armazenamento da energia;
  • Impactos ambientais, como a interferência na fauna e na flora em áreas de instalação de parques eólicos ou usinas hidrelétricas;
  • Potencial conflito com comunidades locais em relação ao uso de terras e recursos naturais.

Qual a diferença entre energia limpa e energia renovável?

A energia renovável se refere a qualquer fonte de energia que se renova naturalmente, como a energia solar, eólica, hidrelétrica, geotérmica e de biomassa. Essas fontes de energia são consideradas renováveis porque, ao contrário dos combustíveis fósseis, não se esgotam e são naturalmente regeneradas pela natureza. 

Energia

A energia limpa, por outro lado, é um conceito mais amplo e inclui não apenas fontes de energia renováveis, mas também outras fontes de energia que emitem menos poluentes em comparação com fontes de energia tradicionais. 

Além das fontes renováveis, a energia limpa também pode incluir a energia nuclear e tecnologias de captura e armazenamento de carbono (CCS), que visam reduzir as emissões de gases de efeito estufa.

Em resumo, a energia renovável é uma forma importante de energia limpa, mas nem toda energia limpa é renovável. A escolha entre fontes de energia limpa e renovável dependerá de vários fatores, incluindo disponibilidade, custo, impacto ambiental e viabilidade técnica.

Principais tipos de energia limpa

Aqui estão os principais tipos de energia limpa e um exemplo para cada tipo:

1. Energia solar

Gerada pela luz do sol, captada por painéis solares e convertida em eletricidade.

Continua após a publicidade..
Energia
Parque Solar Nova Olinda

2. Energia eólica 

Gerada pelo vento, que movimenta turbinas eólicas para gerar eletricidade. 

Energia
Parque Eólico de Alto do Rodrigues, no Rio Grande do Norte, Brasil.

3. Energia hidrelétrica

Gerada pela força da água, que movimenta turbinas para gerar eletricidade.

Energia
Usina Hidrelétrica de Itaipu, na fronteira entre Brasil e Paraguai.

4. Energia geotérmica

Gerada pelo calor do interior da Terra, que é utilizado para aquecer água e gerar vapor, movimentando turbinas para gerar eletricidade. 

Energia
Usina Geotérmica de Hellisheidi, na Islândia.

5. Bionergia

Gerada a partir da queima de resíduos orgânicos, como restos de madeira, bagaço de cana-de-açúcar, entre outros. 

Energia
Usina Termelétrica de Biomassa de Itapetininga, em São Paulo, Brasil.

6. Energia maremotriz (das ondas e marés)

Gerada pela energia cinética das ondas do mar e das marés, que movimentam dispositivos flutuantes ou turbinas para gerar eletricidade. 

Energia
Exemplo: Eco Wave Power em Gibraltar
energia maremotriz Baía de Fundy, no Canadá
Barragem da Baía de Fundy, no Canadá.

Conclusão

No Brasil, o potencial de geração de energia limpa é grande, especialmente em virtude da abundância de recursos naturais. No entanto, ainda há muito a ser feito em termos de políticas públicas e incentivos para ampliar o uso de fontes limpas de energia e torná-las mais acessíveis à população.

Em última análise, a transição para uma matriz energética mais limpa e sustentável é um desafio que exige ação coletiva e compromisso de governos, empresas e sociedade civil. Através de uma combinação de políticas públicas, inovação tecnológica e mudanças de comportamento, podemos construir um futuro energético mais limpo, seguro e justo para todos.

As pessoas também perguntam

Qual a melhor fonte de energia limpa?

A energia solar e a energia eólica são consideradas as principais fontes de energia renovável e limpas. Ambos utilizam fontes inesgotáveis para a produção de energia (luz solar e ventos, respectivamente), oferecem um baixo impacto ambiental e não contribuem para a poluição.

Qual o país de maior produção de energia limpa do mundo?

Dentre os países com a maior geração de energia renovável estão:
China: 1 TW
EUA: 398 GW
Brasil: 160 GW
Índia: 158 GW
Alemanha: 139 GW

Como está o Brasil em relação à energia limpa no mundo?

O Brasil ocupa a 13ª posição no ranking global, mas segue como líder da América Latina em relação à capacidade de geração de energia renovável. Apenas as hidrelétricas respondem por quase 60% de toda a energia gerada no país.

Quanto o Brasil utiliza de energia limpa?

Dados divulgados no seminário mostram que o Brasil é um país de energia limpa, com 46% de toda sua fonte vinda de energia renovável, contra 14% no mundo. No setor de biocombustíveis, o país é o segundo maior produtor. A energia solar é a fonte que mais aumentou de produção no país, atualmente na 13º posição mundial.

Redação EkkoGreen

Redação EkkoGreen

A equipe do Portal Ekko Green é dedicada à causa da sustentabilidade. Nosso foco é trazer informações precisas e inspiradoras, sempre buscando as últimas tendências no mundo verde. Acreditamos no poder da informação para criar um futuro mais sustentável.

Designer Cria Micro Turbina Eólica Dobrável que Captura o Vento de Qualquer Direção

Conheça o Ar Condicionado que Funciona Apenas com Energia Solar

Turbinas Eólicas de Eixo Vertical Que Resistem a Furacões

EkkoGreen Newsletter

Descubra um Mundo Mais Verde!

A cada edição, trazemos a você histórias inspiradoras, inovações em energia limpa, veículos elétricos, arquitetura sustentável e muito mais.